Inauguramos com esta edição (Momento Acresce) um formato em vídeo por meio do qual entrevistamos pessoas que se destacam em seus meios de atuação, contribuindo com opiniões e conhecimentos inovadores ou que empunham bandeira representativa de ideal coletivo, como ocorre com esta primeira matéria.

Nela entrevistamos Simone Boacnin, personalidade importante por sua contribuição ao meio, seja por intermédio da Associação Viva Moema, a qual preside (http://www.vivamoema.org.br), seja por via do Movimento IPTU JUSTO (https://iptujusto.net.br), do qual participa ativamente. Ambos os trabalhos traduzem iniciativas sociais de largo alcance, quer no sentido populacional atingido (bairro de Moema, vide http://bit.ly/2KRCVRx), quer no territorial, representado por toda a cidade de São Paulo.

Afinal, rara minoria se dispõe a atuar no meio no sentido de melhorá-lo em prol da coletividade, como esta personagem faz.

Nesta primeira edição tratamos do tema IPTU. Vale à pena conhecer as iniciativas de ambas as instituições, IPTU JUSTO de um lado, atuando politicamente, e ACRESCE, judicialmente de outro, num verdadeiro combinar de esforços e habilidade dentro de suas naturais competências e aptidões.

Os atingidos pelo resultado perseguido por esses esforços conjuntos contam-se aos milhões de cidadãos que poderão vir a ser beneficiados.

Só por isso, vale à pena o trabalho realizado.

Periodicamente faremos desfilar por esta iniciativa ora inaugurada pessoas, como dito, importantes nas atividades que realizam, comercialmente, ou socialmente.

Nas próximas edições trataremos de temas como minimercado com auto-atendimento, acessibilidade, e outros, todos de interesse daqueles que habitam ou trabalham em condomínios, ou da sociedade em geral.

Acompanhe esta nossa iniciativa porque será empolgante!

Muito obrigado.

ACRESCE – ASSOCIAÇÃO DOS CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS E COMERCIAIS

Presidente

Veja também: 

+ O IPTU exigido pelos municípios é imposto justo? O que qualifica um imposto como justo?

+ Atenção contribuinte do IPTU para o recebimento do carnê no início de 2021. Saiba, com antecedência, o que fazer!