Ex-militar, Alexander Vracovsky é diretor da Xeque Matte, empresa que presta serviços terceirizados auxiliando síndicos, moradores e administradoras

Capacitação e terceirização resumem a fórmula da Xeque Matte para aumentar a eficiência dos diversos serviços prestados a condomínios. Com formação militar, Alexander Vracovsky, diretor da empresa, aplica conhecimentos obtidos nas Forças Armadas baseados na disciplina e procedimentos padronizados para treinar suas equipes. Dentre as vantagens da terceirização, destaca a economia, facilidade de lidar com problemas administrativos e trabalhistas, flexibilidade no uso da mão-de-obra e outras. A Xeque Matte presta também diversos serviços como segurança para eventos, personalidades, transporte executivo e mais. Na área condominial, suas especialidades são controlador de acesso (porteiro), zelador e limpeza.

Acresce – Como é feita a venda dos serviços da Xeque Matte aos condomínios?

Depende da demanda. Há casos em que oferecemos pacotes com vários serviços ou apenas um serviço específico. De qualquer modo, nossa preocupação é sempre com a qualidade, o pós-venda, o que nos têm levado a crescer com base na indicação de clientes satisfeitos.

Acresce – Quais as vantagens da terceirização?

Custos mais reduzidos para os condomínios e maior eficiência. Em relação ao primeiro aspecto, fica mais claro o conhecimento dos custos reais dos serviços e também a forma como serão executados. No segundo, nosso treinamento permite que o prestador de serviço seja mais capacitado. Além de treinar, exigimos de nossos colaboradores o cumprimento de regras a serem seguidas no dia-a-dia descritas em manual.

Acresce – Quem faz e como é feito o controle dos serviços?

Nós mesmos fazemos o controle e fornecemos relatórios aos síndicos e administradoras. Temos líderes que fiscalizam tudo o que está sendo executado.

Acresce – Como avalia o crescente uso de porteiros eletrônicos e outros dispositivos tecnológicos para controlar o acesso em condomínios?

Acreditamos na combinação do elemento humano com a tecnologia, sendo o primeiro o fator mais importante. Mas o controlador de acesso precisa de treinamento para executar bem suas tarefas. Observamos muitos casos de instalação de câmeras de segurança de forma inadequada. Também aí damos consultoria. É importante que o controlador não caia na rotina, deixando de executar procedimentos por ter conhecimento prévio deste ou aquele indivíduo que costuma frequentar o condomínio. Daí a relevância do revezamento na função. Isso evita que o funcionário desenvolva um relacionamento amigável com os moradores, comprometendo seu desempenho. Alguns moradores reclamam, alegando estar acostumados a um determinado porteiro. Mas nossa recomendação, visando a máxima segurança, é mesmo revezar.

Acresce – Algum caso recente ligado à segurança chama a atenção?

Tivemos uma moradora de condomínio vítima do golpe do sequestro, por meio de ligação telefônica. O golpista foi ao condomínio receber pagamento. No caso, a entrada do indivíduo foi autorizada pela moradora. De modo geral, recomendamos que se estabeleça uma relação de confiança entre o morador e o prestador de serviço. Assim será mais fácil ao responsável pela segurança cumprir seu papel e realizar sua missão a contento. Cada controlador deve seguir as normas específicas de cada edifício. Alguns exigem que a luz interna do veículo seja ligada ao se entrar na garagem, exibição de documentos e outros procedimentos. Tudo isso contribui para mitigar os riscos.

Acresce – E no caso da zeladoria?

Também fornecemos esse tipo de profissional. Nossa meta é oferecer colaboradores que passem por uma peneira, uma seleção tipo RH, visando oferecer a nossos clientes o que de melhor existe no mercado.

https://xequemattes.com.br/

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *
Você pode usar estes HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>